Sábado, 31 de Outubro de 2009
Contenção Sr.Presidente

"Neste momento somos, provavelmente, a equipa mais assediada da Europa, basta ver a quantidade de equipas que observam os nosso jogos"

Um benfiquista gosta sempre de ouvir este tipo de declarações.Faz-nos bem ao ego. No entanto neste ano tem sido farto em alegrias, sugiro alguma contenção ao Sr.Presidente. Errar uma vez é mau, não aprender com os erros é pior ainda. Todos se lembram das consequências nefastas que declarações como "Esta ano vamos ser campeões" ou "Temos a melhor equipa dos últimos dez anos" tiveram no nosso Benfica. Vamos deixar a equipa trabalhar tranquila e evoluir naturalmente. Como tal não se diga que:

"Temos sido contactados por uma série de agentes, clubes, em relação a jogadores nossos. Um conjunto alargado tem suscitado a cobiça dos grandes clubes do futebol internacional. Poderíamos, com um conjunto de vendas, anular o passivo mas optámos por não seguir esse caminho, porque a estratégia apresentada aos sócios no último acto eleitoral passa pela aposta agora na vertente desportiva, depois de nos primeiros mandatos termos investido mais de 200 milhões de euros em infraestruturas desportivas. Posso dizer que quando em 2007 vendemos o Simão tivemos um resultado positivo de 20 milhões de euros; se tivessemos agora optado por alienar jogadores teríamos conseguido o maior resultado alguma vez conseguido por uma SAD. Daí não entender como outras é que outras sociedades que vendem imensos jogadores apresentam resultados positivos residuais"

Sr.Presidente: pelo bem do nosso Benfica fale pouco, fale por favor o menos possível!



publicado por Pedro Pavia Saraiva às 17:27
link do post | comentar | ver comentários (1) | adicionar aos favoritos

Sexta-feira, 7 de Agosto de 2009
"O dinheiro não cai do céu"

Nota prévia: o presente texto incide apenas sobre gestão, única e exclusivamente gestão desportiva.

 

Depois de algum tempo afastado destas lides, permitam-me regressar ao nosso blog para comentar algo proferido recentemente pelo Presidente do Benfica. Luís Filipe Vieira, quando confrontado com as dívidas do clube e com o dinheiro gasto com as contratações para a equipa de futebol, adiantou saber perfeitamente o que fazer e afirmou: "o dinheiro não cai do céu". Com o devido respeito, não consigo compreender esta frase. Não pelo que significa, mas pela realidade do nosso clube.

 

Já estamos habituados ao discurso populista de marketing quanto à marca Benfica, mas a verdade é que não temos receitas como o Real Madrid ou o Manchester United. Não conseguimos vender camisolas em número suficiente que paguem o preço dos activos adquiridos e não temos capacidade para cobrar 1 a 5 milhões de euros por um jogo em terras asiáticas ou americanas.

No que respeita aos patrocínios, o negócio com a Sagres, apesar de aparentemente significativo, ameaça consubstanciar-se ruinoso para os cofres do Benfica. É que além de hipotecar os próximos 12 anos (o que corresponde a 4 direcções), o dinheiro já terá sido depositado directamente no BES.

Também não temos capacidade para valorizar os nossos activos, raramente temos lucro com as dezenas de jogadores que passam pelos nossos plantéis e desprezamos aqueles com os quais despendemos muito dinheiro. Os casos de Makukula ou Balboa (dispensados quase sem jogar) são exemplo disso mesmo: cada um custou cerca de € 4,5M.

Por último, temos gasto uma média de € 30M por ano, nas últimas três temporadas. Como nunca antes visto, vários jogadores foram contratados acima dos € 5M. Na sua grande maioria, tratam-se de jogadores estrangeiros pouco conhecidos ou com pouca capacidade para vingar no futebol português. O mercado nacional é frequentemente esquecido.

Isto sem esquecer a série de multas atrás de multas que têm sido aplicadas ao nosso clube pela CMVM devido a incumprimentos sucessivos das disposições legais. Verdadeiramente lamentável.

 

Cedo aprendi que quem não tem dinheiro não tem vícios. Mas o que é certo é que temos tido comportamentos de clube rico. E com os números que são conhecidos, face ao aumento da despesa e com poucas fontes de receita, muitas são as dúvidas, legítimas, que se levantam...

Será mesmo caso para perguntar: se o dinheiro não vem do céu, será que que encontraram uma mina de ouro ou um poço de petróleo debaixo da Catedral?



publicado por Pedro Ribeiro e Castro às 20:42
link do post | comentar | ver comentários (1) | adicionar aos favoritos

Sábado, 4 de Julho de 2009
Reeleito Presidente do Sport Lisboa e Benfica!

 

Luís Filipe Vieira



publicado por André Couto às 01:04
link do post | comentar | ver comentários (1) | adicionar aos favoritos

O início do fim de um ciclo

Luís Filipe Vieira merece os aplausos de todos os Benfiquistas. Merece porque foi graças a ele e e aos seus que o Benfica renasceu. O Benfica cresceu, cresce de ano para ano. Não pode é passar de um estado de pré-falência para campeão da europa num estalar de dedos.

Um clube precisa de tempo para crescer. Vieira não caiu no erro de querer construír um castelo em cima de nada. O castelo começou a ser montado por baixo, só com bases sólidas o castelo se constroí de forma douradoura. Os benfiquistas não percebem isso. Estão com fome de títulos, e isso é compreensivel.

LFV precisa agora disso, de ganhar. Depois do estruturar a casa, depois das bases do castelo falta o topo.

Falta ganhar, falta construir a torre mais alta. Aquela que quase toca o céu, onde voa a águia das conquistas que vai bater asas de forma cada vez mais forte ao ritmo das gargantas que enchem o nosso estádio.

E eu confio em Luís Filipe. Confio que nestes três anos ele vai conseguir as vitórias, porque o resto está conseguido. Se não ganhar, a história do clube de todos nós não pode ser madrasta com este senhor. É graças a ele que há Benfica, é graças ás bases por ele feitas que os títulos virão.

Obrigado pela construção, confiamos em ti para os títulos!

 

 

E PLURIBUS UNUM



publicado por Pedro Pavia Saraiva às 00:29
link do post | comentar | adicionar aos favoritos

Sexta-feira, 3 de Julho de 2009
Votei Vieira, porquê?

Votei Vieira porque sou do Benfica. Defendo o Benfica e quero que este esteja sempre salvaguardado de toda e qualquer investida de oportunistas ou de pessoas que têm muito que demonstrar no que diz respeito à mística e ao sentir o clube.

Votei Vieira, não porque goste especialmente dele, mas porque tenho a certeza que de momento é a melhor solução para o Benfica.

Da Lista A já sabemos o que vem, de Bruno Carvalho nada sabemos. Sabemos que com Vieira não tem havido títulos mas ainda há Benfica, da Lista B não sabemos o que esperar.

Podemos por em causa o Benfiquismo de Vieira, a falta de títulos do Benfica na sua era. Podemos por em causa a "lucidez" de Vilarinho, a sua falta de interesse pelas modalidades. Mas nunca, nunca, nenhum Benfiquista se pode esquecer que foi graças ao sacrifício pessoal (e até financeiro) destes dois senhores que hoje o Benfica é forte, financeiramente sólido e rentável enquanto marca.

Foi por isto que Vieira teve os meus cinco votos e é por isto que apelo ao voto em Vieira. Votem Vieira para demonstrar a Bruno Carvalho que não é a solução que queremos.

Votem Vieira porque já sabemos com o que contar, e não é tão mau assim...



publicado por Pedro Pavia Saraiva às 17:25
link do post | comentar | ver comentários (7) | adicionar aos favoritos

Por um Benfica ao vivo e a cores no Século XXI!

Correndo o risco de no momento em que escrevo, por não ter acesso à internet, estar já completamente desactualizado face ao avassalador fluxo de informação que corre sobre o Sport Lisboa e Benfica por estes dias, decidi ainda assim aproveitar o tempo morto de uma viagem em trabalho para fora do pais e partilhar algumas reflexões sobre o nosso clube.

Não deixa de ser curioso pensar que, pelo facto de as eleições terem sido antecipadas (e apenas por isso), não me ser permitido exercer o meu direito de voto nas próximas eleições. Os entorses democráticos não prejudicam apenas as instituições mas efectivamente retiram direitos às pessoas que as corporizam, que as fazem, que as vivem.

Posso dizer hoje, com segurança, que não vou votar nestas eleições porque Manuel Vilarinho não deixou.

Mas, saltando sobre este processo eleitoral, que é menos que vergonhoso, e que consubstancia um golpe na credibilidade do Sport Lisboa e Benfica (que nem a história do clube nem os seus sócios mereciam), proponho-me reflectir sobre o Futuro.

Facto: Se o F.C. Porto conquistar 3 títulos na próxima temporada e o Sport Lisboa e Benfica ficar em branco, passaremos a ocupar a segunda posição em termos de n.º de troféus conquistados.

Facto: eu ainda sou do tempo (e só tenho 28 anos) em que podia dizer “o Benfica tem tantos campeonatos como todos os outros clubes juntos (a contabilidade, à época, incluía o Campeonato Nacional ganho pelo Belenenses).

 

 



publicado por Miguel Pimentel às 01:35
link do post | comentar | ver comentários (7) | adicionar aos favoritos

Quinta-feira, 2 de Julho de 2009
8 ou 80?

O garotão Bruno Carvalho diz que afinal há quem diga que... está a ficar velho!

Depois de todo o imbróglio jurídico só faltava mesmo o inicio dos ataques pessoais.

Está definitivamente montado o circo...



publicado por Pedro Pavia Saraiva às 13:17
link do post | comentar | ver comentários (7) | adicionar aos favoritos

Honra ou Sacrifício?

Luís Filipe Vieira voltou a dizer ontem que ponderou desistir da sua candidatura mas que viu novamente a luz e por isso aqui está ele cheio de força!

Não sei se sou só eu que sinto isto mas chateia a forma como ano após ano Luís Filipe Vieira faz aquele típico ar sofrido. Parece que está no Benfica com um enorme sacrifício, sendo muitas vezes descrito como algo parecido com um frete que fazia aos Benfiquistas. Muitas vezes mais do que as palavras era a expressão de distância com que nos encarava. Ontem foi apenas mais um episódio.

Quem é Presidente do Sport Lisboa e Benfica tem de o ser com força e convicção, ciente de que é uma missão de peso. Tem de o exercer com proximidade ao Povo, pois é essa a origem do Clube, seu sustento e razão de existir. Chateia este ar de constante sacrifício. Ou está porque quer e não pondera esse facto a cada dia que passa, ou então tem uma porta por onde sair, como todos temos, como sempre teve.



publicado por André Couto às 12:33
link do post | comentar | ver comentários (12) | adicionar aos favoritos

Relato do jogo e análise técnico-táctica

Vieira declara ter posto à disposição do treinador a equipa-maravilha. Treinador incompetente não ganha nada com a equipa-maravilha. Treinador, rua. Em equipa que não ganha, mexe-se. Treinador italiano contratado, sem equipa-maravilha. Treinador e jogadores que não uma maravilha ganham, os adeptos gritam ninguém pára o Benfica, mas o mérito é do ex-empresário que blindou o balneário (por detalhe, dragão de ouro, mas tal não terá passado de uma  conspiração do barão do norte,  que o ex-empresário nunca repudiou tendo em conta a elegância e souplesse que o caracterizam). Os adeptos agradecem à raposa italiana e clamam, quiçá exigem: agora que ganhámos queremos ver futebol. O treinador italiano manhoso diz que foi muito bom, mas está velho e quer regressar a casa e vai acabar a treinar na Alemanha e na Áustria, onde há muitos italianos emigrantes e portanto é como se estivesse em casa. O ex-empresário que blindou o balneário, coitado, é infamemente perseguido pelas autoridades judiciais e acaba numa travessia do deserto. O Orelhas nomeia o Koeman, esse discípulo da escola holandesa, génio do futebol de ataque. Quase que era um benfica europeu. Porcaria de carreira interna, mas sempre vamos à champions. E faz-se um centro de estágio moderno e a banca empresta porque confia e devemos crer todos num amanhã que cantará. Vem o engenheiro do penta, consta que benfiquista desde pequenino, e até se joga qualquer coisa de jeito, mas a equipa é fraquita. Dá-se-lhe uma outra oportunidade, que dura um jogo, e ala, que a turba está farta do engenheiro, que não sabe motivar a malta. Venham os sovacos suados, que o espanhol mete-os na ordem. O presidente organiza a coisa, credibilidade financeira, centro de estágio e tal, cada vez melhores jogadores são contratados, mas o raio do espanhol é casmurro e às primeiras derrotas vai-se embora. Vamos mas é pela prata a casa e pomos o Chalana, que inventou o Miguel a lateral internacional A. Claro que corre mal e o desgraçado do Fernando hoje já nem para adjunto serve. Vem o Rui, agora é que é, o tipo percebe de bola e de Itália, onde é tudo organizado a uma escala científica de nível estratosférico. Contratra o Aimar, o Suazo, o Reyes, descobre o Yebda, faz um centro de rendimento desportivo à imagem do AC Milan, mas se calhar não presta, que ele só vai buscar jogadores acabados e treinadores de que só as mulheres-sócias gostam. Entretanto o presidente cada vez arranja mais dinheiro e condições e infra-estruturas e mais sócios e as casas do Benfica e parcerias comerciais e credibilidade e antes a coisa estava abaixo de cão e foi ele que impediu que as portas fechassem e tal, e se a coisa não correu bem o que é preciso é meter um treinador que perceba o futebol português e que consiga falar a linguagem dos jogadores e que seja um génio da táctica tão bom como o tipo que é muito especial. Mas eis que o dragão de ouro se movimenta junto com a TVI e o grupo dos donos do Record, por coincidência na altura em que há um Canal Benfica e que o contrato com o Oliveirinha está quase a findar e ala, há que fazer uma manobra à barão do norte para provar que sou mais esperto que eles todos juntos e que os interesses superiores do Benfica prevalecerão. E candidata-se à condição que a família aprove e numa jogada de mestre põe o ex-empresário dragão de oiro em xeque-mate. Mas o Sebastião Moniz convoca uma conferência de imprensa e tudo treme! Tudo para dizer que não se candidata. Tudo isto era já muito mau, mau demais para ser verdade. Não se acredita como, o presidente em exercício contrata jogadores por montantes que nos deixam incrédulos, paga indemnizações milionárias para contratar o Mourinho da amadora, mas a coisa parece, apesar de tudo, ter o rumo possível. Eis senão quando um obscuro sócio correspondente, com modesto mas curioso curriculum na área do, adivinharam, audiovisual (ainda que regional), resolve tornar as eleições da próxima sexta, a coisa mais esdrúxula que alguma vez se viu, com base em citações feitas por solicitadores. Que, esses sim, param mesmo o Benfica. À mistura, ex-empresários e sebastiões do audio-visual à espreita, um presidente da mesa da AG que declara estar-se nas tintas para as modalidades e estar-se nas tintas para processos judiciais que atestam a sua total incompetência, um presidente que declara, num processo decisivo para o futuro da insituição, que vai assistir aos jogos quer os médicos queiram quer não, ele haja comprimidos.

 

No meio disto, pergunto onde estão os superiores interesses do Benfica, que toda esta gente invoca? E pergunto, que culpa tem o Rui disto tudo? E, mais importante, que culpa temos nós, que ainda nem a pré-época começou, ja estamos a levar com a lagartada?

Eu por mim, em nome dos superiores interesses do Benfica, punha o nosso presidente a ex-presidente, ele que gerisse os interesses financeiros e patrimoniais do clube e lhe dessem a eterna medalha de platina pelos incomensuráveis serviços prestasdos. Era merecido e perdoava-se-lhe a trafulhice da antecipação das eleições.

E pusessem o Rui como presidente. Pode ser que ele erre. Mas contrata bons jogadores. Nenhuma declaração do homem nos envergonha. Sempre teve as quotas em dia. E sente o clube como nós.

 

Por mim, nem eleições havia, era uma vergonha que se poupava.

Rui Costa a presidente, e por plesbicito.

Tenho dito.



publicado por Tiago Cid às 03:48
link do post | comentar | ver comentários (5) | adicionar aos favoritos

Quarta-feira, 1 de Julho de 2009
Incompetência

1. Estive a tentar ler os estatutos do Benfica e parecem-me muito confusos e desactualizados. A necessitar de uma urgente reforma!
2. Custa-me muito saber que estamos, e pelos vistos vamos continuar a estar(ganhe quem ganhar), entregues a pessoas com tão baixa competência (nem na demissão são eficientes!)...
3. Parece-me que a noite de 6f vai ser longa. Se houver Vieira vai haver confusão, se não houver vai haver mais ainda. Conhecendo como conheço os benfiquistas dificilmente o Bruno Carvalho vai sair da Luz como Presidente, pelo menos pacificamente...

 



publicado por Pedro Pavia Saraiva às 23:23
link do post | comentar | ver comentários (2) | adicionar aos favoritos

No terceiro anel
Pesquisa
 
Últ. comentários
Realmente não quis. Mea Culpa...
Não posso deixar de concordar contigo
Viva o Quim
Não quer dizer nada
Com o Paulo Bentoo os problemas foram sanados e a ...
Adoro este blog e já o leio à alguns dias a seguir...
O Roberto também foi dispensado pelo Quique...
Desculpem caros benfiquistas, encontrei este blog ...
Ta explicado! Não é preciso dizer mais nada ...
Benfica ... who else?
Mais comentados
Arquivos

Agosto 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Outras bancadas
Tags

todas as tags

Subscrever feeds