Segunda-feira, 31 de Agosto de 2009
As últimas sobre...

MOREIRA - Já muitas vezes assumi a preferência por este jovem guarda-redes, em detrimento do Quim, tendo enunciado vários erros do ex-bracarense. Agora sou forçado a assumir o erro grave que Moreira cometeu na Ucrânia, no primeiro golo marcado pelo Poltava. Saiu-se muito mal e permitiu um golo fácil.

 

PATRIC - Trata-se de um jogador que pouco mostrou, mas, tal como aconteceu com Balboa, pouco ou nada jogou. Não teve oportunidade para mostrar o seu valor. Agora regressa ao Brasil, para jogar no Cruzeiro. Assim, dificilmente conseguirá adaptar-se ao futebol europeu.

 

LUISÃO - Este fim-de-semana falou-se numa proposta do Everton (julgo eu) a rondar os € 12M. Tenho as minhas dúvidas que seja verdade, mas a ser por que é que não foi vendido? Este montante não é excelente considerando tratar-se de um defesa que comete muitos erros? E alguém acha que haverá um clube capaz de oferecer € 20M, a cláusula de rescisão? Vai continuar no Benfica até sair a custo zero e a tapar os jovens, e muito melhores, defesas centrais do plantel.

 

DAVID LUIZ - Tem feito excelentes exibições e tem despertado a cobiça dos grandes clubes europeus. Infelizmente, continua a fazer uma perninha no lado esquerdo da defesa, em vez de se fixar de uma vez por todas a central. É o melhor do Benfica.

 

ZORO - Era um jovem craque com experiência de futebol italiano, mas que não conseguiu impôr-se na equipa encarnada. Confirma-se agora a sua continuidade no plantel do Vit. Setúbal.

 

YEBDA - Um dos melhores reforços do Benfica da última época. Além de ter vindo a custo zero (e não € 7M como o Javi Garcia), mostrou muita raça logo na sua primeira época. Merecia continuar no plantel, mas afinal segue para Inglaterra, emprestado ao Portsmouth. Tenho pena, porque joga bem com os pés e de cabeça, e é um muro difícil de transpôr. Pode ser que regresse, ainda mais forte.

 

RÚBEN AMORIM - Assim como acontece com David Luiz, dá sinais claros que a faixa lateral da defesa não é lugar para si. Com a recuperação de Maxi Pereira e com a saída de Yebda, de certeza que será a sombra de Javi Garcia. A sua posição é de facto a trinco.

 

FELIPE MENEZES - É um jovem brasileiro, com grande margem de progressão, mas que pode ser opção num futuro próximo. Chega, certamente, para a posição "10", para onde o Benfica apenas tem Aimar. Com efeito, César Peixoto pode concentrar-se a defesa esquerdo e o Carlos Martins irá seguramente discutir o lugar de interior direito com o brasileiro Ramires.

 

ADU - Uma jovem promessa, mas não teve hipótese de se afirmar e de confirmar o seu valor. Ainda marcou alguns golos, mas nunca recebeu um voto de confiança. Vai ser emprestado ao Belenenses. Estará aqui bem perto para lhe vermos todas as suas qualidades.

 

MAKUKULA - Este alto e poderoso ponta-de-lança internacional português prossegue a sua carreira na Turquia. Continua a marcar e já vai com 3 ou 4 golos no campeonato. É um jogador que aprecio e que faz falta, ao Benfica e a Portugal, principalmente nos jogos contras equipas que só jogam à defesa.



publicado por Pedro Ribeiro e Castro às 18:16
link do post | comentar | adicionar aos favoritos

Sábado, 29 de Agosto de 2009
Série "Abrir o Apetite!" 2009/2010 (X)

Na ausência do André cabe-me a mim "abrir o apetite" com imagens do último reforço do Benfica: Felipe Menezes. O miudo parece ser bom de bola, ter bons pés e possuir visão de jogo e cultura táctica suficientes para descobrir espaços, sair a jogar e fazer passes "a rasgar". Estará aqui o novo Pablo Aimar?

 



publicado por Miguel Pimentel às 13:22
link do post | comentar | adicionar aos favoritos

Liga Europa - Fase de Grupos

1 - O Benfica assegurou a passagem à fase de grupos da Liga Europa depois de uma vitória segura na Luz e de uma derrota em Poltava onde apenas assegurou os serviços mínimos mas que talvez possa vir a ter um reflexo positivo pela oportunidade que deu a alguns jogadores de poderem acumular minutos nesta competição.

 

2 - O Grupo I é esquisito. Everton, AEK e BATE Borisov. Não é fácil nem é dificil. Não é forte nem é fraco, é assim-assim.Um grupo ingrato para JJ e que não lhe dá margem de manobra. Se passar não lhe darão mais crédito por isso. Se não passar será uma vergonha, E sabemos, pela experiência da época passada o quão marcante pode ser, mesmo em termos internos, um falhanço clamoroso nas provas europeias.

 

3 - Dito isto, só há um caminho. Arrepiá~lo. Entre traumas gregos e deslocações a leste considero que o pedaço menos espinhoso deste grupo ingrato, esquisito e assim-assim é mesmo o Everton.

 

 A ver vamos...



publicado por Miguel Pimentel às 13:09
link do post | comentar | adicionar aos favoritos

Quinta-feira, 27 de Agosto de 2009
Iceberg, porta aviões ao fundo

 Sporting empata em Florença e é eliminado.

Gostei do desempenho do ano passado, pena não se poder repetir este ano...

 

Titanic



publicado por Pedro Pavia Saraiva às 13:19
link do post | comentar | adicionar aos favoritos

Quarta-feira, 26 de Agosto de 2009
Nuno Gomes de volta

Saúda-se o regresso do nosso capitão aos convocados de Carlos Queiroz. Tal como no Benfica Nuno pode, e deve ser, o capitão. Aquele que mesmo que não jogue tem a palavra certa para dizer na hora certa aos seus colegas!

Não percebo é Carlos Queiroz. O ano passado jogava, e bem, e não chegava para ser suplente de Hugo Almeida. Agora é o quinto avançado do Benfica, é convocado. Não percebo, mas fico contente!

E confirma-se a chamada de Liedson, assunto sobre o qual já aqui fiz referência.

 

 



publicado por Pedro Pavia Saraiva às 19:03
link do post | comentar | ver comentários (4) | adicionar aos favoritos

Segunda-feira, 24 de Agosto de 2009
Os Duques da jornada

Depois dos posts do Pedro Pavia Saraiva a analisar as incidências da jornada, nomeadamente, dos jogos Vitória de Guimarães - Benfica e FCP – Nacional,  e aproveitando alguma da benevolência com que nos presenteou para aguçar a língua, deixo-vos aqui os meus “duques”,  as figuras que, em meu entender personificariam as cartas mais baixas do baralho se tudo não passasse de um jogo de cartas:

Cardozo: a merecer cuidado e reflexão o caso de um jogador (para mim o melhor avançado desta liga) que nunca tinha falhado um penalty ao serviço do SLB mas que desde o arranque da temporada já leva 3 falhanços no currículo. Não, hoje não foi mérito do GR mas demérito de Cardozo que rematou para o único sítio que considero proibido na marcação de um penalty (i.e., rasteiro e para o meio da baliza).

 

Quim: sou obrigado a retomar a velha discussão. Apesar do remate difícil de parar, Quim largou para a frente uma bola que só por milagre não deu o 1-0 ao Vitória numa altura em que este já se encontrava com menos um jogador em campo. É apenas mais um facto a juntar a todos os outros, já aqui dissecados, e que a meu ver consubstanciam o que começa a ser uma aberração: a permanência de Moreira no banco de suplentes.

 

 

 

 

Jorge Jesus: O “mestre da táctica” tarda a impor-se dentro de portas. Não obstante o futebol mais prático e vistoso ser, sem dúvida, uma melhoria significativa em relação a épocas anteriores, a verdade é que, a meu ver, Jorge Jesus volta a perder no confronto táctico contra um treinador português. E se no jogo com o Marítimo se pode dizer, em seu favor, que o Benfica, apesar do empate, massacrou o adversário, hoje, tal não foi o caso. Pelo contrario, o Vitória foi melhor que o Benfica quer com 11 quer com 10 munindo-se de estratégias e dispositivos tácticos diferentes em função das necessidades. Apesar do 0-1 final, que me alegra pelos 3 pontos mas que não espelha em nada o que se passou dentro do campo, é caso para dizer que Jorge Jesus perdeu tacticamente para Nelo Vingada duas vezes no mesmo jogo.

Num plano mais técnico pergunto: será que Jorge Jesus achou mesmo que resolvia o jogo trocando Saviola (avançado experiente) por Keirrison (jovem promessa em fase de adaptação) e retirando Aimar do terreno de jogo????

A somar a isto há o caso Cardozo. A Cardozo pode dizer-se que tem marcado mal os penaltis (ele que sempre os cobrou de forma exímia). A Jesus pode apontar-se: 1) o facto de, depois dos dois falhanços anteriores, não ter corrigido nos treinos eventuais lacunas na cobrança deste tipo de livres; 2) o facto de insistir com Cardozo quando é por demais evidente que o jogador se deixou afectar psicologicamente com estes pequenos insucessos devendo por isso ser protegido sob pena de tal instabilidade poder alastrar aos níveis de confiança gerais do jogador; 3) o facto de, aparentemente, não promover a participação activa de um psicólogo do desporto na preparação da equipa; são estes profissionais (e não os treinadores) os agentes indicados para trabalhar os aspectos psicológicos ligados a  estes pequenos contratempos.

 João Ferreira: Não vou discutir o penalty que abriu o caminho à vitória do Porto. Mas, noto seguinte: o árbitro, colocado a cerca de 10

 metros da jogada, assinalou pontapé de canto; o juiz de linha assinalou penalty; o árbitro recebeu a interpretação do juiz de linha; Não será esta sequência suficiente para algum comedimento na distribuição de cartões a jogadores do Nacional? Não terá sido a actuação da dupla de arbitragem responsável por alguma perda de calma da parte dos jogadores do Nacional? Não será essa perda de calma inerente à própria competitividade do jogo? Quantas vezes já assistimos a cenas parecidas sem que daí advenham consequências disciplinares? Não será legitima a interrogação de Bracalli: “Se fosse ao contrário os árbitro expulsava os jogadores do Porto?”

Para já não digo mais nada mas fico à espera das próximas cenas de arbitragem sendo certo que por aqui haverá sempre quem julgue com isenção os lances polémicos independentemente das cores das camisolas.

 



publicado por Miguel Pimentel às 03:53
link do post | comentar | ver comentários (3) | adicionar aos favoritos

Domingo, 23 de Agosto de 2009
Alguns pontos sobre Guimarães

1- Parabéns aos jogadores e equipa técnica por esta primeira vitória. A maneira como foi festejada demonstra a vontade enorme que este grupo têm em conseguir grandes feitos para o clube.

2- A maneira como o Guimarães jogou. Sim, o Guimarães jogou. Ao contrário do que fez o Marítimo o Vitória nunca estacionou o autocarro em frente à baliza de Nilton. Pode-se dizer que perdeu, a equipa insular prescindiu do futebol e levou um ponto para casa. Prefiro continuar a pensar que jogar à bola compensa, parabéns Nelo Vingada.

3- Cardozo, penaltys não são para falhar. Ainda assim desta vez é uma excelente defesa de Nilson, parabéns ao guarda-redes. Lembro-me de uma semelhante de Robert Enke no Barcelona que me encantou.

4- Substituições de JJ. Mais uma vez não me agradaram. Não percebi porque é que saiu Aimar (a equipa deixou de conseguir jogar à bola da forma fluida que faz habitualmente), não percebi a saída de Saviola ao intervalo. Problemas físicos? Se começam já é mau sinal.

5- Parabéns a: Javí Garcia pela luta, Ramires pelo golo, Di Maria pelas jogadas individuais (com grande percentagem de eficácia) e Shaffer e Coentrão pelos cruzamentos.

6- A arbitragem de Pedro Proença. Não pelos casos mas pelas pequenas faltas a meio campo que já aqui falei. Nos primeiros 5mts o Vitória fez 6 (?!)faltas! Nuno Assis, que admiro, deveria ter ido para o balneário muito mais cedo.



publicado por Pedro Pavia Saraiva às 23:35
link do post | comentar | ver comentários (3) | adicionar aos favoritos

João Ferreira 3 - 0 Nacional da Madeira

Assim se falseia um resultado.

Assim o FCPorto, com 14 contra 9, ganha mais 3 pontos.

Assim, quem vê o resultado, até pensa que o FCPorto é o maior.

Assim, continua, aquilo a que gostamos de chamar futebol em Portugal.



publicado por Pedro Pavia Saraiva às 22:36
link do post | comentar | ver comentários (12) | adicionar aos favoritos

Sábado, 22 de Agosto de 2009
O Papagaio II

Domingos Paciência voltou a falar, a meu ver, demais. Na antevisão ao jogo de hoje com o Sporting disse que "vai ganhar em Alvalade".

Eu gostava muito que sim. Ainda assim penso que o Braga ainda não demonstrou que o consegue fazer. Vamos lá ver...se tal acontecer aqui estarei para admitir que estava errado. E vou ficar muito contente se o Braga ganhar...



publicado por Pedro Pavia Saraiva às 14:16
link do post | comentar | ver comentários (3) | adicionar aos favoritos

Contradição Histórica
Faz algum tempo que penso em escrever sobre este tema. Não está directamente relacionado com o nosso Benfica mas é fundamental para perceber para onde vai o dito futebol português. Falo da possível, mais que provável, chamada de Liedson á Selecção Nacional. Sempre fui contra esta vaga de naturalizações. Não faz, a meu ver, qualquer sentido que um jogador nascido num país jogue pela selecção de outro.
Fui contra Deco, fui contra Pepe (embora seja o caso mais delicado: chegou a Portugal com 17 anos, sente o hino e já fez declarações que me levam a acreditar que sente mesmo Portugal como o seu país)e sou obviamente contra Liedson.
O levezinho é um jogador de inegável qualidade. Mas é brasileiro. O 31 do Sporting tem 31 anos e é brasileiro. Este tipo de situações são muitíssimo delicadas e não podem ser tratadas nem vistas como uma solução para que Portugal esteja no Mundial. Pergunto-me: esta questão punha-se se Portugal tivesse ganho à Albânia e à Dinamarca? Provavelmente não. É Liedson que vai fazer com que Portugal esteja na África do Sul? Provavelmente não.
Foi definitavemente aberto um precedente com Deco. Agora, pelo menos enquanto estiverem os mesmo a dar a cara pela Federação Portuguesa de Futebol, todos os que estiverem na mesma situação de Deco têem toda a legitimidade para vestirem a camisola das quinas. Pergunto-me se a FIFA e a UEFA não deveriam ter um papel mais apertado na fiscalização deste tipo de situações. Pergunto-me se é este o modelo que a FPF pretende para o futebol português.
Meus amigos, eu vibrava e sofria muito mais com um equipa de Antonios que dava tudo para ganhar contra a Irlanda e nos deixava de calculadora na mão do que com esta de Decos e Liedsons que afinal nos deixa na mesma de calculadora na mão...qual a vantagem?!
 
 
(também em Mutatis Mutandis)


publicado por Pedro Pavia Saraiva às 02:00
link do post | comentar | adicionar aos favoritos

Sexta-feira, 21 de Agosto de 2009
Momentos Kodak

www.youtube.com/watch


Tags:

publicado por Tiago Cid às 11:34
link do post | comentar | adicionar aos favoritos

Quinta-feira, 20 de Agosto de 2009
Ainda sobre... AS ADAPTAÇÕES.

Sou do Benfica e acho que temos uma grande equipa. A direcção construi um plantel equilibrado e, se o grupo se mantiver inalterado, teremos 2 jogadores para cada posição.

 

Contudo, já anteriormente referi que as adaptações de jogadores a posições que não são as suas não são uma boa opção. Por um lado, isso retira confiança àqueles que seriam escolhidos em condições normais. Por outro, o rendimento dos jogadores adaptados nunca é o melhor exactamente por não estarem rotinados a determinado lugar.

 

Pois bem, Jorge Jesus não confia em Patric e tarda em apostar em Luís Filipe para substituir o lesionado Maxi Pereira. Para a posição de defesa direito o escolhido tem sido o adaptado Rúben Amorim, que à partida devia estar a discutir com o Ramires a posição de interior direito. Com o primeiro na defesa e o segundo lesionado, Jorge Jesus decidiu-se por "adaptar" Carlos Martins (a sombra de Pablo Aimar) no último jogo. Este também se lesionou e para o seu lugar entrou Fábio Coentrão (mais uma adaptação).

 

Tudo isto resulta agora na falta de opções normais para o lugar de médio direito para o jogo desta quinta-feira para a Liga Europa. Mais, com tantas lesões nesta altura o plantel conta apenas com 1 jogador de raíz para as posições "2" (Luís Filipe), "7" (Rúben Amorim) e "10" (Aimar). É uma situação delicada, um risco que não era preciso correr.

 

Jorge Jesus irá persistir na adpatação de Rúben Amorim a lateral direito e com isso fazer uma outra adaptação no meio-campo? O jogo do Benfica, defensivo e ofensivo, beneficiará com isso? Conseguiremos ganhar?



publicado por Pedro Ribeiro e Castro às 00:17
link do post | comentar | ver comentários (5) | adicionar aos favoritos

Quarta-feira, 19 de Agosto de 2009
Benfica o Maior, por Luisão

 

"Vamos tentar [terminar com o domínio portista), vai ser difícil, pois o campeonato é longo. Mas estou confiante. O trabalho do novo treinador [Jorge Jesus] é muito bom, pois ele conhece bem o futebol português. Além disso, estamos a formar uma equipa muito boa com os novos contratados. Saviola possui uma qualidade excelente, assim como o Keirrison e o Ramires"

Luisão



publicado por Pedro Pavia Saraiva às 10:49
link do post | comentar | adicionar aos favoritos

Segunda-feira, 17 de Agosto de 2009
David Luiz... GRANDE!

O Pedro Pavia Saraiva e eu próprio já aqui deixámos algumas considerações pessoais sobre o primeiro jogo do Benfica.

 

Opiniões de "treinadores de bancada" à parte, gostaria agora de elogiar as palavras proferidas por David Luiz no final do encontro. A sua qualidade dentro do relvado é notória, mas agora fiquei também a conhecer a sua grandeza fora de campo.

 

Demonstrou humildade e simplicidade, inteligência e maturidade. Não concordou com o penalti assinalado pelo árbitro (eu também não), mas revelou ter aceite naturalmente a decisão. Sem sombra de dúvida, um exemplo a seguir.

 

David Luiz fez ontem mais uma grande exibição, principalmente a central.

Quanto às suas declarações, veja-as aqui:

http://david-luiz-fans.blogspot.com/2009/08/noticias-092010-declaracoes-do-david.html

 

 



publicado por Pedro Ribeiro e Castro às 21:21
link do post | comentar | ver comentários (1) | adicionar aos favoritos

Alguns pontos sobre o massacre

1- A arbitragem uma vez mais é escandalosa. É marcado o penalty do Maritimo por uma mão do David Luiz e depois não se marca uma mão evidente na jogada do Weldon aos 90'. Não sei se o Miguelito não devia ter sido advertido com o segundo amarelo no penalty sobre o Saviola. E depois são aquelas pequenas coisas que não aparecem nos resumos ,mas que quem vê o jogo sabe que fazem toda a diferença...

2- A atitude do jogadores do Marítimo em geral e do Pessanha e do Kanu em particular. Tiveram 90' a fazer anti-jogo. Recordo-me de uma situação em que o Kanu se atira contra o Javi e ainda fica no chão a queixar-se. E depois de 85' a demorara "horas" a repor a bola em jogo o árbitro dá amarelo a Pessanha, é brincar com as pessoas! Vejam um joguinhos da Liga Inglesa e joguem à bola...

3- Penaltys. O do Marítimo é uma farsa. Aquilo nem paradinha é, o Alonso chuta já o Quim está deitado no hão. Já vi penaltys do Simão serem repetidos por "paradinhas" muito menos evidentes que aquilo...ah pois é, o Simão era do Befica, deve ser disso. E o Cardozo não pode falhar penaltys...

4- O JJ conseguiu destruir a equipa. Como treinador experiente que é já devia saber que não é por ter mais avançados a jogar que se marcam mais golos. Saiu o Sidney, entrou o Weldon. Resultado: Ficou o Fábio Coentrão (que fez mais um excelente jogo!) a lateral esquerdo (o Shaffer não conta?!) e depois três avançados lá no meio. Extremo direito? Ninguem! Foi muitas vezes o Luisão o que por lá apareceu...uma situação a rever...

5- Os adeptos do Benfica são sem dúvida os melhores adeptos do Mundo. Foram eles que levaram a equipa para  a frente e fizeram os jogadores acreditarem. Mais do mesmo 5f é o que se espera!!



publicado por Pedro Pavia Saraiva às 12:09
link do post | comentar | ver comentários (2) | adicionar aos favoritos

Benfica o Maior, por Walter Marqes

 

"Acredito que o Benfica pode ser campeão, se não fizermos muito barulho e continuarmos com o espírito de equipa que temos vindo a desenvolver. O FC Porto, apesar de ter vendido alguns jogadores, penso que conseguiu manter o bloco unido e forte. Já sobre o Sporting, penso que vai fazer aquilo que for possível"

Walter Marques



publicado por Pedro Pavia Saraiva às 10:00
link do post | comentar | adicionar aos favoritos

Primeiro jogo da época: Benfica 1 - Marítimo 1

 

O Benfica não começou da melhor maneira esta Liga Sagres 09/10. Concordo com o resumo feito por Jorge Jesus. De facto, houve muitas oportunidades. Mas a verdade é que apenas conquistámos 1 ponto. Todos os jogos contam e este era logo uma óptima oportunidade para descolar dos nossos mais directos adversários.
 
Quanto ao jogo propriamente dito, acho que não conseguímos os 3 pontos por causa de alguns pormenores. Podem ser pequenos, mas são pelo menos cinco pormenores que fizeram certamente a diferença...
1.º - O penalti que deu golo para o Marítimo não devia ter sido validado. Aquilo não foi uma “paradinha”, mas uma simulação. Escandoloso!
2.º - Houve duas situações idênticas de “bola na mão”. Ao minuto 25’ foi marcado penalti, mas ao minuto 90’ já não.
3.º - Continuamos a jogar sem laterais de raíz, pelo que o nosso jogo ofensivo tem pouca profundidade. À esquerda David Luiz e até Fábio Coentrão jogaram na posição que é do Shaffer por natureza. Mas este ficou no banco
4.º - As adaptações deviam ser evitadas. Mas então adapta-se o David Luiz a lateral, depois de uma semana de treinos no mínimo, e a meio do jogo volta para central e sai o Sidnei?
5.º - É notório que o Di Maria só sabe jogar do lado esquerdo. Pelo contrário, o Fábio Coentrão adapta-se melhor a qualquer das alas. Assim, não se percebe porque o Di Maria passou a jogar a médio direito depois da saída do Carlos Martins.


publicado por Pedro Ribeiro e Castro às 02:05
link do post | comentar | adicionar aos favoritos

Domingo, 16 de Agosto de 2009
Vai começar a Liga... Boa sorte, malta!

Mais logo, às 20h15m, o Benfica estreia-se na Liga Sagres 2009/2010. O jogo com o Maítimo terá lugar no Estádio da Luz e será transmitido pela Sporttv1.

 

Cumpre aqui deixar uma palavra de apreço ao Presidente Luís Filipe Vieira e ao Director Desportivo Rui Costa pelo esforço que ambos fizeram para reforçar o nosso plantel. Em especial, pela chegada de jogadores como o Saviola ou o Javi García. Apesar dos resultados desportivos não terem aparecido nas últimas temporadas, é notável a capacidade que esta Direcção tem demonstrado para contratar jogadores de nível superior.

 

Esperamos que toda a equipa tenha motivação e determinação para o campeonato que agora se inicia. Ao Jorge Jesus, o timoneiro deste grupo, pedimos o trabalho e a dedicação que o caracterizam, mas também que não invente como o seu antecessor tanto gostava de fazer. Seja simples e escolha aqueles que estiverem em melhores condições nas suas posições de origem. E porque também é preciso, desejamos sorte.

 

Força, Malta! Vamos a eles!



publicado por Pedro Ribeiro e Castro às 15:34
link do post | comentar | adicionar aos favoritos

Sexta-feira, 14 de Agosto de 2009
Ai essas regras da UEFA

 

O Benfica acaba de anunciar o grupo de jogadores inscritos para disputar a Liga Europa. Sem grandes supresas, ficam de fora os já esperados Patric, Urreta e Mantorras.

Os dois primeiros devem ser emprestados (espera-se que a clubes da I Liga) e o angolano não conta para quase nada (infelizmente, assim se comprova o seu estado físico).

 

O grande destaque vai então para o facto de o clube não preencher os 25 lugares a que tinha direito, mas apenas 23. Depois das multas da CMVM, o Benfica revela assim, mais uma vez, ter alguns problemas em respeitar as normas desportivas aplicáveis.

Lembro que já o ano passado aconteceu o mesmo, na altura porque Rúben Amorim não contava como jogador formado no clube (agora acresce a saída do dispensado Jorge Ribeiro).

 

Do ponto de vista da preparação do plantel, também não abona nada a favor dos dirigentes responsáveis pelo futebol, Luís Filipe Vieira e Rui Costa, pois o Benfica não consegue inscrever 8 jogadores formados em Portugal, incluindo 4 no nosso clube - apenas Moreira e Miguel Vítor...

(Com a dispensa do Patric e a chamada do Luís Filipe, alguém me explica porque é que não contratámos o Miguel Lopes?)

 

Felizmente, existe a possibilidade de apresentar uma segunda lista, sem número máximo, exclusivamente para jogadores jovens. O bilhete de identidade do Di Maria aqui deu muito jeito!

 

Por fim, a lista ora escolhida por Jorge Jesus - se não houver mais nenhuma dispensa - vem confirmar o princípio-chave de ter 2 jogadores por posição (excepto para guarda-redes e avançado), e que lembrei no post anterior. Assim, confirma-se que Yebda será a sombra do Javi Garcia, o Ruben Amorim rodará à direita e o Carlos Martins fará de Aimar quando este não puder jogar. O terceiro guarda-redes será o Júlio César e o avançado menos utilizado poderá ser Nuno Gomes. Apenas me preocupam as adaptações de Luís Filipe e de César Peixoto para as laterais.



publicado por Pedro Ribeiro e Castro às 21:00
link do post | comentar | adicionar aos favoritos

Benfica o Maior, por Luís Nazaré

 

"Este ano, temos condições para sermos uma aposta consistente para o título e somos um sério candidato. Há boas equipas na Liga portuguesa e o Benfica terá que confirmar nos jogos a doer aquilo que tem vindo a revelar na pré-época. Mas os indícios são bons e quero crer que somos um seríssimo candidato à conquista do título"

Luís Nazaré



publicado por Pedro Pavia Saraiva às 10:00
link do post | comentar | adicionar aos favoritos

No terceiro anel
Pesquisa
 
Últ. comentários
Realmente não quis. Mea Culpa...
Não posso deixar de concordar contigo
Viva o Quim
Não quer dizer nada
Com o Paulo Bentoo os problemas foram sanados e a ...
Adoro este blog e já o leio à alguns dias a seguir...
O Roberto também foi dispensado pelo Quique...
Desculpem caros benfiquistas, encontrei este blog ...
Ta explicado! Não é preciso dizer mais nada ...
Benfica ... who else?
Mais comentados
Arquivos

Agosto 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Outras bancadas
Tags

todas as tags

Subscrever feeds