Quinta-feira, 30 de Julho de 2009
Benfica do Mundo!

Este post começou por ser um comentário ao post "Benfica de Portugal" do André Couto. Vou tentar explicar quais são, a meu ver, as razões que tornaram o Benfica na tal Sociedade das Nações de que o André fala.

Eu não acredito que se o LFV ou o Rui Costa se encontrarem perante um jogador português e um estrangeiro da mesma qualidade optem pelo estrangeiro. Principalmente o nosso director desportivo. Não por ser, para muitos benfiquistas (não sou um deles) a personificação de Deus mas porque também ele foi jogador de futebol, e sabe melhor que ninguém as necessidades, medos e anseios dos atletas portugueses.

O que se passa é muito simples: falta de credibilidade, competência, visibilidade, competitividade do nosso campeonato. E aí a culpa não é do Benfica. Os bons jogadores portugueses com pouco mais de 20 anos já estão nos grandes clubes europeus (veja-se Simão, Ronaldo, Rui Costa, Figo ou Pauleta entre tantos outros). Querem "dar o salto", e esse mesmo salto já não é para o Benfica como era nos anos 60. É para o Real Madrid, Man Utd, Milan etc. Quer queiramos quer não o nosso campeonato não é atractivo para os grandes jogadores, portugueses incluídos.

O Benfica não tem capacidade financeira de atração para ir buscar um grande jogador português. E como tal entre um português mediano e um estrangeiro melhor escolhe o estrangeiro. Isto é duro? É, mas é a consequência do Mundo globalizado em que vivemos e é a unica forma do clube se manter competitivo e ganhar títulos. E esse é o objectivo do clube, ganhar títulos. Se me perguntarem se prefiro onze Zés e Antónios ou onze Pablos eu obviamente prefiro Antónios. Mas mais que isso quero vê-los a levantar taças. Sejam eles portugueses, chineses ou costa-marfinenses.

Muito mais grave parece-me a "invasão" da nossa selecção nacional por estrangeiros, mas isso ficará para um novo post...



publicado por Pedro Pavia Saraiva às 16:05
link do post | comentar | adicionar aos favoritos

2 comentários:
De Miguel Pimentel a 30 de Julho de 2009 às 17:50
Pedro, discordo do teu ponto de vista. O Benfica, sendo o clube com mais implantação em Portugal, é quem tem um maior potencial de negociação junto das instâncias decisórias do futebol e do desporto em Portugal (se exerce esse potencial é outra coisa diferente...). Logo é muito responsável pela falta de competitividade das nossas competições. Explico melhor a minha ideia em futuro post! Abr


De Pedro Pavia Saraiva a 30 de Julho de 2009 às 18:19
Ficarei, ansiosamente, a espera do novo post então.
Tens razão no que dizes, no entanto o que quis dizer é que a responsabilidade da falta de competitividade do futebol português está longe de ser exclusivamente do nosso Benfica...
Abraço


Comentar post

No terceiro anel
Pesquisa
 
Últ. comentários
Realmente não quis. Mea Culpa...
Não posso deixar de concordar contigo
Viva o Quim
Não quer dizer nada
Com o Paulo Bentoo os problemas foram sanados e a ...
Adoro este blog e já o leio à alguns dias a seguir...
O Roberto também foi dispensado pelo Quique...
Desculpem caros benfiquistas, encontrei este blog ...
Ta explicado! Não é preciso dizer mais nada ...
Benfica ... who else?
Mais comentados
Arquivos

Agosto 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Outras bancadas
Tags

todas as tags

Subscrever feeds